WALDIR COSTA – Exigente, polêmico, mas eficiente: o novo secretário de Saúde de Ji-Paraná

0
24

Certamente o prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca (MDB) receberá muitas críticas por ter “importado” o ex-secretário de Saúde (Estado e do município de Porto Velho), Williames Pimentel. Ele é o novo secretário de Saúde de Ji-Paraná. Exigente, polêmico, organizado, “casca-grossa”, mas eficiente, Pimentel certamente deixará sua marca de administrador enquanto estiver no comando da difícil pasta na administração pública. Obras, Cultura, Esportes são secretarias onde o titular, por mais incompetente que seja, não “apanha” tanto, mas Saúde e Educação são cargos complexos e cobrados diuturnamente pela população.  

Saúde – Pimentel já disputou eleições a deputado estadual e duas vezes a prefeito de Porto Velho (2016 e 2020). Não se elegeu em nenhuma, em grande parte devido a sua maneira de agir: é direto nas cobranças e respostas, às vezes, rude. Talvez por isso não tenha conseguido sucesso no processo eleitoral, pois na maioria das vezes o eleitor gosta de ser bajulado, na verdade, enganado. Não há dúvida, que Ji-Paraná, mesmo tendo um secretário de Saúde “importado” ganhará muito na área, desde que Pimentel tenha condições de trabalhar à sua maneira, patrolando a burocracia, buscando ações efetivas e que realmente atendam os interesses da maioria da população, que muito depende da saúde pública. Sucesso.  

Ética – O deputado Ismael Crispin (PSB-São Miguel do Guaporé) não é mais o presidente do Conselho de Ética da Assembleia Legislativa (Ale). Seu mandato na presidência da comissão terminou no último dia 31 e, com a posse do novo presidente, Alex Redano (PRB-Ariquemes) a composição da Comissão de Ética e das Comissões Permanentes devem mudar, pois quem está na Mesa Diretora não pode presidir comissão. A saída de Crispin da presidência da Comissão de Ética é até, oportuna. É que a comissão analisa a situação do deputado Eurípedes Lebrão (MDB), de São Francisco do Guaporé, município vizinho a São Miguel onde ambos têm enorme influência eleitoral. Lebrão está sendo alvo da Comissão de Ética, porque é acusado de corrupção e foi alvo da Operação Reciclagem da Polícia Federal (PF) em setembro último. Até por uma questão de ética é recomendável, que Crispin fique fora.  

Vacinação – Há tempos a coluna cobra da área de saúde da Prefeitura de Porto Velho a tabela de vacinação contra o coronavírus na capital. Vários vereadores estão publicando uma tabela nas redes sociais com o cronograma contendo idade e período de vacinação, inclusive com números de telefones para agendar. Alex Palitot (PTB) e Macário Barros (Podemos) são dois deles em que tivemos acesso à tabela. Ocorre que conseguir uma ligação nos 4 números, que estariam disponíveis, dois fixos e dois móveis é uma missão nada fácil e, quando se consegue, pasmem, a pessoa informa, que a tabela não é a oficial da Semusa e a real será anunciada nos próximos dias nos órgãos de comunicação. Os vereadores estão mentindo?  

Raupp – A ausência de uma das maiores lideranças políticas do PMDB, hoje MDB de Rondônia, o ex-governador e ex-senador Valdir Raupp é sempre questionada nos bastidores da política. Raupp sempre foi um político participativo, carismático, de fácil relacionamento e, após a derrota na tentativa da segunda reeleição para o Senado em 2018, deixar a presidência do diretório regional do MDB, apesar da pandemia, que praticamente isola as pessoas há quase um ano desapareceu do cenário político regional. Pessoas ligadas a ele dizem que Raupp está “dando um tempo”, mas que “não abandonou a política”. Quando ele deixou o governo do Estado no final de 1998, assumindo José Bianco, muita gente apostava que era o fim da política para Raupp, que não conseguiu se reeleger. Engano. Como Fenix, Raupp se elegeu senador em 2002 e foi reeleito em 2010. Vamos aguardar as eleições de 2022…  


Respingo  

Quem depender de serviços da Prefeitura de Porto Velho no período de 15 a 17 próximo deverá antecipar suas ações. É que, mesmo não tendo Carnaval, o prefeito Hildon Chaves (PSDB) editou decreto de Ponto Facultativo nos três dias +++ Funcionarão, apenas os serviços essenciais como coleta de lixo, plantão de saúde, Semtran, etc. Comércio e similares funcionarão normalmente +++ Estamos em pleno período de inverno amazônico (chuvas) e como ocorre todos os anos, a BR 364, principal rodovia federal de Rondônia está em boa parte tomada pelos buracos. O trecho entre Porto Velho a Cacoal com cerca de 500 quilômetros está com o trânsito comprometido e perigoso +++ Há anos a bancada federal (deputados e senadores) é cobrada para que seja feito um trabalho de restauração e não de tapa-buracos, mas pouco ou nada é feito. Com boa parte da pista esburacada os acidentes vão aumentando, um problema que deverá se agravar nas próximas semanas com o início da safra de soja no Estado +++ De positivo a expectativa da colheita do produto, que supera a média brasileira, que é de 60 sacas de 60 quilos por hectare. A média de Rondônia é de 65 sacas de 60 quilos por hectare. 



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here