JULIAN CUADAL, DE BARBA, POSA AO LADO DO SENADOR ACIR GURGACZ , A DEPUTADA SILVIA CRISTINA E COM SUA EQUIPE ELEITORAL E APOIADORES

Um novo nome para a coligação Ji-Paraná não Pode Parar foi, enfim, definido. O advogado e escritor Julian Cuadal é o candidato do PDT para disputar as eleições municipais de Ji-Paraná, depois que Marcito Pinto apresentou sua desistência da disputa eleitoral. Nesses casos, a lei prevê e autoriza a substituição de candidatos.

A demora na definição de um novo candidato não foi explicada pela assessoria, em seu release à Imprensa. Outras questões feitas pela reportagem do Repórter RO (sobre o tempo de TV e rádio da coligação; se o candidato vai fazer propaganda nessas mídias; e se haverá alguma live nos próximos dias) ficaram sem resposta, por enquanto. Também não se sabe ainda quem é o vice de Julian Cuabal mas, segundo já se sabe, ele deverá ser indicado pelo Solidariedade.

Ele foi apresentado aos vereadores da coligação na tarde desta segunda-feira (12), 17 dias depois do início da campanha eleitoral em 27 de setembro. “Além da vasta experiência como advogado, que sempre esteve engajado em causas políticas e sociais, o Julian reúne qualidades suficientes para realizar uma excelente gestão à frente da prefeitura do nosso município”, ponderou Gurgacz.

Nascido em Ji-Paraná e filiado ao partido há 15 anos, Julian se formou em Direito pela Universidade Federal do Mato Grosso, tem mestrado em Direito Empresarial pela Universidade de Coimbra e cursa o doutorado em Direito Processual pela PUC do Rio Grande do Sul.

Além de advogado, Julian também é escritor e recentemente publicou seu primeiro livro, que leva o título “Do lado de lá” e reúne crônicas sobre sua história de amor pela cidade onde nasceu e vive até hoje.


“Aceitei o desafio de entrar na disputa eleitoral e ser candidato a prefeito de Ji-Paraná porque amo essa terra e não quero vê-la governada por aventureiros ou por quem não tem condições de administrar o município, de gerenciar os cofres públicos, de executar as obras que a cidade precisa e de cuidar das pessoas. Sou filho dessa terra e não fujo da luta.”



CURTA/SIGA/ACOMPANHE-NOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here